Marielle, Anderson e um tiroteio de horrores

Instituto Liberal Publicado em 19/03/2018

O fato: Marielle Franco, uma vereadora do Rio de Janeiro, aos 38 anos, mãe de uma estudante de 19 e eleita com o significativo número de 46 mil votos, foi baleada no bairro do Estácio, juntamente com seu motorista, Anderson Pedro Gomes. Os dois entraram para a estatística dos sessenta milhares de vítimas de homicídios por ano e da violência característica do Rio de Janeiro, que vem ceifando as vidas de policiais, professores, médicos, todos os tipos de pessoas de todas as profissões. O acontecimento foi uma tragédia. É mais uma face do horror que nos assombra, sedentos que estamos por uma perspectiva de esperança.

Leia mais no Instituto Liberal.